quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Relato da Entrevista

Primeiramente, agradeço a todos pelos parabéns, é muito bom saber que tem muita gente torcendo pelo meu sucesso e digo que torço por todos também. Há uns dias atrás estava eu pensando com meus botões, que se por um acaso do destino, esse processo todo não fosse pra frente, por qualquer razão, eu já sairia no lucro. Pois a oportunidade de conhecer, pessoalmente ou não, tanta gente interessante, inteligente e que faz questão de ajudar, nem que seja com palavras de apoio, não tem preço (já sei, clichê), mas é isso mesmo que sinto.


Bem, como prometido, segue um relato mais detalhado da minha entrevista que aconteceu no último dia 02 de novembro. Também já havia dito anteriormente, que o meu caso não foi muito diferente de todos os outros relatos já divulgados em outros blogs ou comunidades, portanto se eu não acrescentar nada com isso, que pelo menos eu não os atrapalhe, hehe.


A entrevista estava marcada para 11 hs da manhã e às 10 hs eu não aguentei mais ficar esperando no carro e fui para o escritório BIQ, para esperar lá. Alguns minutos depois chega um outro rapaz, que faria entrevista no mesmo horário que eu e estava muito, mas muito mais calmo que eu e enquanto eu conversava com ele, até fiquei mais calma também.

Fui chamada para entrar na sala da Mlle. Isabelle Augustin uns cinco minutos antes das onze e ela já foi pedindo passaporte, diplomas e carteira de trabalho – dica: levar os documentos na mesma ordem da relação do e-mail de convocação da entrevista, facilita e agiliza muito essa parte, pois procurar documentos com mãos trêmulas, não dá certo. Entre a apresentação desses documentos, ela pergunta para qual cidade eu pretendia ir e o por que.

Depois disso, sem perder tempo, a clássica pergunta sobre o porquê quer viver no Québec, em francês. Em seguida, em inglês, quis saber sobre uma viagem que fiz aos EUA no ano passado. Aí veio a sabatina sobre a minha profissão, mercado de trabalho, validação de diploma e os seus custos, em francês e inglês ao mesmo tempo. No final desse monte de perguntas sobre arquitetura ela disse que elas serviam para ela se certificar de que eu poderia ser uma profissional útil ao Québec, mais ou menos com essas mesmas palavras – dica: vá sabendo tudo sobre a sua profissão, principalmente se como a minha, não estiver em demanda e ainda pertencer a uma ordem. Todas as dificuldades em exercer a minha profissão foram citadas e ela quis saber o que eu iria fazer enquanto isso.

No final, foi aquele silêncio, ela que parece ser bem tímida, com a cara enfiada naquele computador e eu, absolutamente tímida, tentando puxar algum assunto, mas sem a mínima coragem para tal, hehehe... foi ridículo! Mas no final deu tudo certo e já com o CSQ nas mãos, finalmente fiz algumas perguntinhas que queria fazer.

Pessoal, é isso. Apesar da minha entrevista ter sido bem parecida com a de vários outros, vá preparado para o inesperado e confie em você mesmo. A maior parte da entrevista fluiu como uma conversa, mas enquanto eu falava ela anotava algumas coisas num bloquinho de post-it que ela escondia debaixo da mesa, isso me desconcentrava um pouco, mas não consegui descobri o que ela anotava, se alguém souber, me avise por favor. Ah... se alguém quiser saber mais alguma coisa, estou à disposição.

Sucesso a todos!


P. S.: Último toque, a Isabelle fala suuuuper baixo! Então, quem for meio surdinho como eu, vá treinando leitura labial, hehe. Estão rindo? Mas é sério!!!

18 comentários:

Fernanda disse...

Oi Aline
Na minha opinião, nenhum relato de entrevista deixa de adicionar algo. E traz cada vez mais segurança pra gente.
Estamos muito felizes com sua conquista, e esperamos que nossa entrevista seja tranquila como foi a sua.

Um grande abraço,
Fernanda

merciquebec disse...

oi menina!! oooobaaa parabéns!! tinha certeza q vc não teria dificuldade=DD estava torcendo aqui - aproveite, comemore...vc merece=0) parabbbbbbbéns! bjokas

Kissica disse...

Parabéns pelo CSQ! :D
E obrigada por compartilhar as informações da entrevista.
Abraço,

Simone e sua turma disse...

Parabéns!!!
Cada passo deve ser festejado =D
Conseguimos o nosso dia 25, se quiser dar uma espiada no nosso blog será um prazer receber sua visita, estou te seguindo :)
Tudo de bom.

Drinho e Nessa disse...

Ola Aline... lendo o seu relato a gente acaba lembrando um pouco de como foi nossa entrevista, toda a angustia do processo federal e finalmente, a vida seguindo seu rumo por aqui... Falta pouco... Parabens.
Drinho e Nessa.

Patinha disse...

Parabéns!!!!!!!!

Gostinho muito bom esse de passar nessa bendita entrevista!!!

Bjssssss

Jhon disse...

Ah não, Pode parar! Agora além de aprender francês, a pessoa deve aprender leitura labial? agora o BIQ tá exigindo demais uwauwauwuwua

Brincando, que bom que sua entrevista foi calma Aline, mas lembre-se que foi calma pq vc estava preparada.... não tire o valor da sua conquista. Parabéns!

bjo

Gu e Roxy disse...

Aline, desejamos os parabéns pela conquista do CSQ!! Você realmente estava muito bem preparada para o grande dia e não podia ter resultado diferente! Espero que possa abrir o Federal o quanto antes, se é que já não abriu! hehe
Voilá! Felicitations!

Renan Czajkowski disse...

Vou ver se a Aliança Francesa oferece curso de leitura labial! xD
Parabéns Aline, tudo de bom, bonne continuation!

Conexão Torrica-QC disse...

Parabéns!!!! Dá uma sensação boa né?? rsrs

Alιทe disse...

Parabéns!! Ja li seu blog todo rs
Já fui a Quebéc duas vezes e amo aquele lugar em especial Montreal, tenho amigos lá e estou me motivando a iniciar o processo...ja que também estou me formando em enfermeira lá tem grandes chances de empregos...e espero que consiga sua meta final!
Vou me empenhar para inicar o processo esse ano :)
Ha só uma curiosidade, voce deu entrada como trabalhadora qualificada ou classe economica?
Beijo e desculpe pela pergunda :)

Patitando disse...

Oi Aline, parabéns de novo :)
Estou passando por aqui só para dizer que estou listando seu relato lá no blog, naquela seção "li em um blog", ok?

abraço!

Adu disse...

Aline, parabens pelo CSQ, acabei de enviar minha documentação e agora começa a minha jornada. Torça por mim. http://confissoesprofundas.blogspot.com/

Piloto no Quebec disse...

Olá, meu nome é Guilherme e pretendo migrar para Quebec depois que concluir minha graduação aqui no Brasil, eu e minha namorada vamos iniciar o processo em 3 anos.

Sou despachante operacional de voo e piloto privado concluindo o piloto comercial, temos 22 anos eu e 20 ela.

Bem, não falo francês ainda, começo meu curso amanha, por este motivo não acho nenhuma informação a respeito do mercado de Aviação civil em Quebec.

Gostaria de saber qual a agencia reguladora do canada, aqui, por exemplo, é a Anac.

Estou procurando um blog de alguém que seja deste mercado mesmo sendo engenheiro aeronáutico etc. se conhecer, por favor, me indique.

Muito Obrigado.
Att
Guilherme V.S

vidanovavilleduquebec disse...

Oie...td bem? bem que vc podia atualizar o blog contando para nós um pouquinho de como estão as coisas por aí nhe?
Escreve aí, vai!
beijos
DArlene

Vivi Rosa disse...

Boa noite Aline,
estava procurando informações de como conseguir emprego como arquiteta no canadá e acabei encontrando algumas orientações suas.
Se não se importa segue abaixo meu email, pois sou recém formada, pela faculdade belas artes de são paulo e estou com muita vontade de trabalhar no canadá. Eu vi meio por cima que ou exerce a profissão como arquiteto ou como urbanista, eu prefiro urbanismo, gosto mais e aqui no Brasil apesar de ter "trabalho" não tem oportunidade e tudo não passa de uma questão política.

Obrigada

evilainealves@hotmail.com

IMIGRAÇÃO PARA O CANADÁ disse...

Aline,

Como está o seu processo de imigração, alguma novidade??? Solicitação de exames médicos???

Ainda estamos na espera da solicitação dos exames... Só agora dia 28/Out/2011, que apareceu o nosso processo no e-cas...

Beijos,
La Rocque e Silvia.

Nós em Montréal disse...

Olá Aline!
Alguma notícia do processo de imigração??

Até +!!!

Postar um comentário